Pitaya, aparência exótica, saborosa e doce da América Latina

Quem vê pela primeira vez esse fruto, se encanta com a sua beleza.

Natural da América Central, a pitaya pode ser encontrada em três variações: casca rosa e polpa branca, casca e polpa rosa ou casca amarela e polpa branca.

Todas são super nutritivas, têm seu interior repleto de sementes pretas e casca em gomos – elas lembram escamas de dragão, né?

Com sabor docinho, a fruta é muito versátil e pode ser incluída de diversas formas no cardápio.

Quer uma dica?

Da próxima vez que for tomar açaí, inove e peça para adicioná-la.

Fica uma delícia!

Uma dose extra de antioxidantes, ela ajuda no combate aos sinais do envelhecimento da pele

O sucesso da pitaya tem motivo: ela promove um verdadeiro incremento na saúde!

Rica em vitaminas A, B e C, ela é um excelente fonte de antioxidantes, que colabora para o combate ao envelhecimento da pele – pense em manchas, rugas e linhas de expressão!

Além disso, ela ainda fortalece a imunidade do organismo graças às altas quantidades de ômega 3 e 6, magnésio, cálcio e vitaminas.

Ou seja, garantia de pele incrível, iluminada e saúde em dia!

Tem como não amar?

Fonte preciosa de fibras e ainda ajuda na dieta

Sabia que a fruta também é conhecida como “doce do deserto”?

A explicação por de trás disso é que ela funciona quase como um moderador natural do apetite, aumentando a sensação de saciedade e reduzindo a vontade de comer.

Se você está buscando alternativas saudáveis e naturais para emagrecer, a pitaya pode te ajudar nisso.

Com muitos benefícios para o corpo e a pele, a pitaya é um prato cheio para a saúde!

Saia da rotina, adote a fruta no seu cardápio e aproveite!

fonte: thebodyshop

Veja também no Portal AVôvó:

https://www.avovo.com.br/beneficios-de-sementes-de-abobora/