Lazer & Entretenimento

Nebraska, uma jornada real! Filme indicado AVôVó

Nebraska, filme indicado AVôVó

O filme retrata condições reais de uma família e um membro idoso. A teimosia e a necessidade de preservar a segurança de todos, mas, nesse meio tempo, resolução de problemas antigos.

O cineasta Alexander Payne mesclou drama e humor para novamente remeter a família e a suas peculiaridades. Esse longa metragem – Nebraska – traz pessoas simples, gente como a gente, para retratar os simbolismos escolhidos.

A narrativa se move quando o senil – um idoso – Woody Grant (Bruce Dern) recebe uma carta, promovendo assinaturas de revistas, dizendo que ele havia ganhado um grandioso prêmio de um milhão de dólares. O personagem acredita cegamente na veracidade do encarte promocional, mas seus familiares dizem ser apenas uma propaganda enganosa.

Nebraska filme indicado AVôVó

No entanto, Woody decide sair de Montana – ele mora afastado – e ir até Nebraska receber o montante que o papel prometia. Vale ressaltar que Montana e Nebraska são Estados separados por de 3000 Km.

O drama começo advindo com os evidentes problemas advindos da sua senilidade – como perda de memória, reforçado e ampliado pelo alcoolismo -, e isso faz com que todos tentem dissuadi-lo da ilógica ideia ir. Ele permanece decidido e seu filho mais novo, David (Will Forte), decide acompanha-lo para assim zelar por sua segurança.

Logo no início do trajeto, Woody sofre um pequeno acidente, mas fica obrigado a parar por uns dias no meio do caminho na cidade natal. Isso proporciona reencontro com familiares que ele não vê há muito tempo, Woody terá que lidar com a ambição e inveja dessas figuras do passado quando descobrem sobre o prêmio.

Enquanto isso, entre ele e o filho, algumas coisas também vão se acertar sobre reminiscências de outros tempos.

O ator Bruce Dern deve atuação primorosa e isso lhe rendeu o prêmio de melhor ator no Festival de Cannes 2013.

Nebraska, filme indicado AVôVó

Realmente, todos que assistindo esse filme percebem que Dern está ótimo como o senhor desnorteado procurando um sentido para seguir em frente, mesmo que seja na utopia pouco provável de um bilhete promocional.

O longa é excelente para a reflexão sobre o envelhecimento, como os familiares lidam com os envelhecentes e os milhares de detalhes que complicam a vivência entre uma família – seja qual for. Vemos um roteiro muito maduro, abordando apenas situações cotidianas, apesar do start não ser muito habitual, o restante engloba bem tudo que as pessoas vivem no dia a dia.

Por isso, Nebraska pode não ser tão intenso em comparação com outros longas, mas a sua sinceridade ao retratar sentimentos é suficientemente capaz de fazer o espectador se sentir tocado.

Veja também no Portal AVôVó:

Conheça os melhores filmes sobre a terceira idade

AnteriorPróximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *