Saúde Física

Mitos ou verdades sobre a visão na terceira idade

Mitos ou verdades sobre a visão na terceira idade.

Você não precisa conviver com a baixa visão.

Para aproveitar a vida ao máximo, nós contamos com a visão mais do que com qualquer outro sentido!

Porém, a visão muda naturalmente ao longo da vida.

Com o avançar da idade os olhos podem precisar de mais luz para enxergar, torna-se mais difícil diferenciar algumas cores (principalmente tons de azul e verde) e se concentrar em coisas que estão perto.



Apesar de experimentarmos essas e outras mudanças na visão à medida que envelhecemos, a perda dela não deve ser encarda como um sinal natural.

Por isso, é preciso aderir a algumas medidas para garantir uma boa visão, independentemente da idade!

Algumas medidas podem ajudar a cuidar :

Visite regularmente um oftalmologista!

É muito importante que você que está na terceira idade, consulte regularmente um oftalmologista, pelo menos uma vez a cada dois anos, especialmente se você tem 50 anos ou mais.

Algumas pessoas, especialmente aquelas com diabetes, podem precisar realizar exames oftalmológicos mais frequentemente.

Vá ao oftalmologista mesmo que você não tenha sintomas ou problemas conhecidos na visão, como a DMRI.

Existem várias doenças oculares que não apresentam sintomas durante os estágios iniciais, e somente o oftalmologista pode diagnosticar e tratar corretamente quaisquer alterações.

Faça alterações para ajudar você a ver melhor 

Imagem relacionada

Pequenas mudanças na maneira como você vive podem ajudar a enxergar melhor com a idade.

Essas mudanças simples incluem:

  • Use óculos de sol e chapéu se você é sensível à luz brilhante ou quando está ao ar livre;
  • Melhore a iluminação em sua casa;
  • Use óculos de segurança ao trabalhar, em casa ou ao praticar esportes.

Outra maneira de envelhecer com boa visão é estar bem informado, conhecendo os problemas que podem afetar sua visão, como detectá-los e o que você pode fazer para salvar a sua visão.

Quando você for a uma consulta, converse com seu oftalmologista sobre seus olhos e como preservar sua visão.

Se cuide!

Imagem relacionada

Cuidar de si mesmo e manter-se em boa saúde pode ajudar a proteger sua visão.

Você pode diminuir o risco de doença ocular e perda da mesma se:

  • Comer alimentos saudáveis;
  • For ativo e praticar atividades físicas;
  • Controlar sua pressão arterial, níveis de colesterol, diabetes ou outro problema de saúde;
  • Parar de fumar.

Siga à risca as recomendações de seu médico e os horários para tomar seus medicamentos.

Para ser eficaz, os medicamentos devem ser tomados em determinados momentos em quantidades exatas.

Ignorar uma dose ou tomar o medicamento tardiamente pode causar comprometimento dela.

Se você perdeu um pouco da mesma por causa de uma doença ou uma lesão ocular, você pode aproveitar ao máximo a visão que você ainda tem com auxílio de equipamentos .

Eles poderão ajudá-lo a permanecer independente.

Imagem relacionada

Alguns exemplos de equipamentos são óculos de aumento, lupas, lâmpadas de leitura de alta luminosidade e materiais de leitura com impressão em letras grandes.

Outra maneira de aproveitar ao máximo é realizar um tipo de treinamento especial chamado de reabilitação da visão.

Um profissional especializado em reabilitação pode ensinar-lhe habilidades.

O treinamento de orientação e mobilidade mostra como se locomover apesar de ser limitada.

Você também pode aprender maneiras de adaptar sua casa para tornar a vida com visão reduzida mais fácil.

VôVó, quem às vezes não teve dúvidas com relação a visão?

Realizamos algumas perguntas ao Dr. Luiz Elia, para que ele respondesse e, assim sendo,  para sanarmos essas dúvidas.

Assista o vídeo e se informe a respeito.

O AVôVó sempre pensando em você !

Veja também no Portal AVôVó:

A doença que atinge 2 milhões de brasileiros por ano: a labirintite

 

 

 

AnteriorPróximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *