Jardinagem

O girassol, a natureza e a sua exuberância

girassol e a natureza

O girassol nas artes

Nenhuma flor exótica foi tão retratada nas artes plásticas quanto o girassol.

Inspiração por dois anos para o holandês Vincent Van Gogh, os campos de girassóis na França culminaram em uma série de obras primas, em que o amarelo das flores é representado em uma grande e luminosa gama cromática.

O resultado é tão impactante que, em 1987, um magnata japonês se dispôs a comprar “Jarro com 15 Girassóis” pela quantia de US$ 40 milhões de dólares, fama que deixaria muita roseira com inveja.

A flor amarela está presente no nosso imaginário, seja em pinturas, músicas, filmes, moda e até mesmo em lendas e crenças.

A origem do girassol

Também famoso por passar o dia acompanhando o ciclo do sol, o girassol surgiu nos Estados Unidos, mas hoje é cultivado no mundo para extração de óleo.

As sementes, produzidas após a floração no lugar onde era o miolo da flor, são muito apreciadas por pássaros, por isso, se tiver girassóis plantados num canteiro, pode esperar a visita dos bicudos assim que as flores secarem.

Aliás, os pássaros não só consomem a semente do girassol como também as disseminam.

Não se surpreenda se ver um girassol nascendo num terreno baldio, em uma calçada ou até mesmo na varanda.

Formas de consumir o girassol e suas sementes

Comestíveis também para nós, as sementes de girassol contém vitamina E, cobre, potássio, magnésio, fósforo e selênio, todos minerais importantes para nosso organismo.

Também é fonte de frutose, um açúcar natural menos calórico do que o extraído da cana.

Não bastassem todos esses benefícios, suas folhas têm ação expectorante e são usadas no tratamento de doenças pulmonares.

Como cultivar girassol em casa

Como acontece com as plantas chamadas anuais, o ciclo de vida do girassol não ultrapassa 12 meses, a partir das sementes.

Cultive-o em vasos ou canteiros com bastante composto orgânico, em local ensolarado, mantendo a terra úmida, nunca encharcada ou seca demais.

Em poucos meses surgirão grandes folhas ásperas e com pelos, para em seguida surgirem os botões.

As flores podem ter o miolo amarelo, marrom ou preto, dependendo da variedade. 

O girassol como flor ornamental

Não deixe de procurar nas casas agrícolas sementes da espécie “Teddy Bear”, também conhecida por girassol-de-ouro, cujas flores parecem graciosos pompons amarelos — de porte ligeiramente menor, essa planta tem cultivo idêntico ao girassol comum. 

fonte: minhas plantas

Veja agora porque da sua exuberância:

 

Quer saber um pouco mais sobre sementes alimentícias? Clique aqui

 

 

 

 

 

 

Veja também no Portal AVôVó:

Óleo de girassol, o que ele pode nos oferecer?

 

AnteriorPróximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *