Dicas de Alimentação

Doença celíaca, veja lista de alimentos com e sem glúten

Alimentos que contém e não contém glúten

Doença celíaca, veja lista de alimentos com e sem glúten.

Afinal, o que é glúten?

Ele está presente em massas como o pão, o macarrão, o bolo e a bolacha, mas não é um carboidrato, e sim uma proteína.

Na verdade, um conjunto delas.

O glúten é a combinação de dois grupos de proteínas: a gliadina e a glutenina, encontradas dentro de grãos de trigo, cevada e centeio – mais precisamente no endosperma, a reserva nutritiva do embrião da planta.



Ele tem a função de deixar a massa mais elástica para ser trabalhada e, ao mesmo tempo, resistente para não arrebentar quando esticada.

Quando adicionamos água à farinha de trigo, de cevada ou de centeio e começamos a misturar essa massa, a gliadina e a glutenina, antes dispersas no endosperma, finalmente se encontram e fazem pontes entre si. 

É assim que se forma o glúten, que tem a função de deixar a massa mais elástica para ser trabalhada e, ao mesmo tempo, resistente para não arrebentar quando esticada, como acontece com o pão e o macarrão.

Outra função importante é ajudar no crescimento do bolo e do pão.

Quando sovamos o pão, por exemplo, o glúten se desenvolve e forma uma rede protetora que não deixa o gás carbônico formado durante a fermentação escapar. É esse gás, retido no interior da massa, que faz o pão crescer – no bolo, o processo é semelhante.

Também é ele que dá uma textura macia ao bolo, à pizza e ao macarrão e faz com que sejam, como o pão, alimentos bem fáceis de mastigar.

Doença celíaca ataca o organismo

Ainda pouco conhecida, seus sintomas podem se confundir com outros distúrbios. Trata-se da Doença Celíaca, ou seja: a intolerância permanente ao glúten.

Essa doença começa a se manifestar na infância, entre o primeiro e terceiro ano de vida.

Mas pode surgir em qualquer idade, inclusive na adulta.

Vale cortar o glúten sem consulta médica?

Retirá-lo só é indicado quando o médico mandar, isto é, no caso de doença celíaca ou da sensibilidade não celíaca… Nem pensar.

De acordo com especialistas, alimentos ricos em glúten, dentro de uma dieta equilibrada, trazem benefícios para a saúde.

Doença celíaca. Lista de alimentos com e sem glúten 

No caso de intolerância recomenda-se que esses alimentos que contem glúten não sejam consumidos, pois as consequências são dolorosas:

  • Pão,
  • Torrada,
  • Bolacha,
  • Biscoito,
  • Massas,
  • Bolos;
  • Cerveja,
  • Pizza,
  • Salgadinhos,
  • Cachorro quente,
  • Hambúrguer;
  • Gérmen de trigo,
  • Triguilho,
  • Sêmola de trigo;
  • Queijos,
  • Ketchup,
  • Maionese,
  • Shoyo;
  • Salsicha,
  • Temperos industrializados;
  • Cereais,
  • Barrinha de cereais,
  • Xaropes e alguns remédios;
  • Molhos branco;
  • Sopas desidratadas ou Temperos prontos.

O Que Eu Posso Comer?

Procure sempre alimentos frescos, não industrializados e inteiros para ficar naturalmente sem o glúten…

  • Frutas
  • Feijões
  • Sementes
  • Legumes
  • Nozes
  • Batatas
  • Ovos
  • Milho
  • Arroz
  • Peixe
  • Carne magra
  • Frango
  • Soja
  • Tapioca
  • Mandioca
  • Trigo sarraceno
  • Painço
  • Quinoa

Recomendações Finais

Se você tem a doença celíaca, saber quais são os alimentos que contem glúten é essencial para a sua saúde.

Uma dieta sem glúten pode parecer muito difícil de lidar, mas com o tempo – e um pouco de esforço – você pode se acostumar.

Pesquise, adapte-se e você trará resultados saudáveis para a sua vida.

fonte: alimentos poderosos

Veja também no Portal AVôVó:

 

AnteriorPróximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *