Dicas de Alimentação, Receitas Salgadas

Colorau, como você pode usar este tempero

Para que serve o pó de urucum (colorau) e como usá-lo.

Esse tempero, também empregado como corante natural, cai bem em vários preparos – e pode fazer bem para a pele.

Conheça!

urucum
(Foto: Alex Silva/A2 Estúdio)

A cor marcante do urucum ainda deixa os pratos mais belos e refinados.

Origem do colorau:

O primeiro uso do pó de urucum foi como corante para pinturas corporais dos indígenas sul-americanos.

Daí, passou para as panelas de várias regiões do Brasil.

Hoje, o tempero (também chamado de colorau) também é comum nas receitas da Europa, como substituto aos corantes químicos que foram proibidos.

Forma de uso do colorau:

A semente de urucum seca e triturada é o tempero que conhecemos como colorau.

Ele deve ser adicionado sempre antes ou durante a cocção.

Com o que combina:

Suave e adocicado, ressalta os sabores de carnes, frangos e pescados de todos os tipos, sopas e ensopados.

Mas também pode ser usado apenas para dar um tom avermelhado a uma receita.

Com o que não combina com o colorau:

O urucum não é comum em receitas doces.

O tom vermelho vem da presença de compostos carotenoides na semente.
Segundo estudo da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, esses ativos são antioxidantes e protegem a pele dos danos causados pela radiação solar.

Como fazer o seu colorau:

Resultado de imagem para colorau

Para a produção de 2kg de colorífico são necessários:
  • 300g de sementes de urucum,
  • 35ml de óleo de soja,
  • 300g de sal
  • 1600g de fubá.

Modo de preparar:

  • Primeiro é necessário a imersão das sementes secas no óleo de soja por uma noite.
  • Depois a mistura deve ser levada a fritura por 3 minutos e deixada em repouso para resfriar.
  • Depois de resfriadas a sementes são moídas (para os mais tradicionais usa-se o pilão).
  • Após a moagem (ou pilagem), a mistura é peneirada e, se necessário, o material retido na peneira retorna ao moinho (ou pilão) para nova trituração.
  • O material moído é então envasado em uma embalagem que o proteja da luz ou armazenado em local onde não haja a incidência de luz solar direta.

fonte: saúde abril

Saiba mais sobre a semente de urucum, clicando aqui

AnteriorPróximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *