Sem categoria

Chá Cigano ou Chá Romani – Tradição milenar

Chá Cigano ou Chá Romani – Tradição milenar.

O texto de hoje é uma daquelas belezas que a gente encontra na internet e se transformam em um presente.

Quem escreveu foi Jessica Reidy, uma roma (como ela prefere ser identificada, ao invés de cigana) norte-americana.

Além de escritora, ela dá aulas de escrita criativa, Yoga e às vezes dança.

Seus textos buscam a conscientização das pessoas para que entendam que o povo cigano é um povo real e não seres míticos.

Este texto em especial traz uma receita de um chá apreciado pela sua família, com o qual ela e sua avó costumam ler as folhas como oráculo.

Esta é uma tradução livre que fiz e espero que gostem.

Chá Cigano ou Chá Romani – Tradição milenar

Depósito Santa Mariah: Chá Cigano!

Chá romani (ou chá cigano) é o mesmo que chá russo, e tradicionalmente servido com açúcar, limão siciliano, fruta ou geleia.

De acordo com Hancock (linguista cigano inglês), muitos pratos de ciganos russos ou do leste europeu são os mesmos que os da população local, já que os ciganos estão assentados nessas regiões há muito tempo, em áreas onde também foram nômades muito tempo atrás.

A culinária é mais provinciana e inclui uma grande variedade de vegetais, ervas e pequenos frutos silvestres.

Na hora do chá, minha avó e eu gostamos de ler as folhas uma da outra, mas isso é um pouco incomum entre ciganos.

Ainda que mulheres da família de minha avó foram tradicionalmente dançarinas e cartomantes, entre os ciganos, a cartomancia (drabaripé) é normalmente um tipo de previsão e aconselhamento terapêutico feito para os não-ciganos (gadjé) e não tão praticada entre os membros da comunidade.

Obviamente, ciganos não nascem com poderes psíquicos; ao invés disso, esse tipo de trabalho nasceu da pobreza e discriminação, e foi praticado em tempos desesperadores.

Por outro lado, ciganos acreditam em magias ou rituais de cura, e isso é praticado dentro da comunidade.

Os conselheiros do grupo devem saber falar Rromanes, mas como nossa família perdeu o idioma durante o holocausto, nós criamos nossa própria terapia, misturando os aconselhamentos da cartomancia aos trabalhos ritualísticos: nós praticamos a leitura de chá, leitura de mão e leitura de cartas com meditação energética para tratar uns aos outros (e às vezes clientes) holisticamente.

Este é um exemplo de como é difícil generalizar a respeito dos ciganos – nós somos todos diferentes, e cada família tem sua própria e específica cultura cigana (exatamente como qualquer outra cultura no mundo).

Essas “tardes de leitura de chá”, como minha vó e eu chamamos, são uma ótima maneira de relaxar e falar francamente com um ente querido sobre o que está acontecendo em nossas vidas.

Para você fazer o chá cigano de minha família, você vai precisar de um bule, duas xícaras redondas de fundo raso (preferencialmente brancas ou de cor sólida por dentro), dois pires e duas colheres.

Chá Cigano ou Chá Romani – Tradição milenar

Ingredientes:

– 2 colheres de chá de seu chá a granel favorito;
Earl Grey, Lady Grey, ou outro chá com sabor cítrico funcionam melhor.
– 1 laranja orgânica picada;
– 2 colheres de chá de geleia de amora;
– 2 limões sicilianos orgânicos (aquele amarelinho);
– 2 xícaras de água fervida recentemente;
– Açúcar é opcional.

Como fazer:

Ferva a água.

Certifique-se de lavar cuidadosamente as frutas para remover uma possível cera da casca.

Em um bule, coloque as colheres de folha de chá, alguns pedaços de laranja e a geleia, e encha de água.

Deixe descansar por três a quatro minutos.

Mexa novamente e sirva com uma fatia de limão.

Adicione açúcar ou mais fruta a seu gosto.

Fonte: caravana do vento

Veja também no Portal AVôVó:

Malvarisco e o chá – Conheça os benefícios para a terceira idade

AnteriorPróximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *