Dicas de Alimentação

Carne de sol, carne-seca e charque. Quais são as diferenças?

Carne de sol, carne-seca e charque. Quais são as diferenças?

Tem muita gente que confunde, mas os ingredientes são muito diferentes.

Você, possivelmente, já provou pratos com esses três ingredientes — principalmente se costuma viajar pelo Brasil –, mas talvez não tenha atentado para o que diferencia as três carnes, que são salgadas e secas.

“A carne-seca é feita em um processo mais industrial e fica um pouco mais salgada que as outras.

Não dá para usá-la fresca, mas sim em cozidos e farofas depois de dessalgada.

Dá até para saltear e comer com manteiga de garrafa.

Já o charque é uma carne salgada, mas não tão industrial.

Seu uso é parecido com o da carne-seca: você dessalga e usa em preparo de receitas.

Já a carne de sol é feita por um processo artesanal e, apesar de ser salgada, ela não é tão desidratada como as outras e dá para comê-la grelhada, que o resultado é macio.

Seu uso mais famoso é para fazer a paçoca, que é uma farofa pilada”, resume Thiago Andrade, chef do Instituto Brasil a Gosto.

Entenda as sutilezas e não confunda mais!

Carne de Sol

Resultado de imagem para carne de sol

Pode ser feita tanto com carne de bode quanto com carne de boi.

A carne é aberta, cortada em mantas e levemente salgada.

Depois, é colocada para descansar em lugares ventilados até secar pelo lado de fora.

Charque

Resultado de imagem para charque

Feito com cortes bovinos, é típico da região Sul.

Ele recebe uma camada de sal de cada lado e depois é pendurado em um local arejado para secar.

Às vezes, inclusive, esse processo acontece em cima de fornos a lenha, o que deixa o ingrediente com um toque defumado.

Carne-Seca

Imagem relacionada

O processo de preparação é semelhante ao da carne de sol, mas, em vez de salgar a carne apenas levemente, no caso da carne-seca as mantas de carne bovina são mergulhadas em água salobra, empilhadas e estendidas em varais até desidratar.

fonte: brasil a gosto

Como fazer a manteiga caseira de garrafa. Clique aqui para saber

AnteriorPróximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *