Mental

Alzheimer, exercícios e planejamento para ajudar os pacientes!

Alzheimer e exercícios para melhorias

O Alzheimer, exercícios e planejamento para ajudar os pacientes!

Não podemos evitar a doença de Alzheimer. Esse mal vai atingir algumas pessoas e podemos, com boa alimentação e mente ativa, retardá-lo, mas não impedi- lo. No entanto, basta planejamento para melhorar a vida dos pacientes que já convivem com a doença.

O material de hoje é quase que uma indicação de leitura, pois, como sabemos, só podemos enfrentar um desafio com informação e esperança – do verbo esperançar, não esperar.

Falaremos sobre o maior aliado na luta contra a doença de Alzheimer, exercícios para praticar a memória.

As pessoas que possuem parentes ou convivem com um paciente sabem o quanto é difícil conviver com a enfermidade e a degeneração que levam a perda de memória dos pacientes. Isso é uma realidade triste, mas felizmente, para facilitar essa jornada, a geriatra Ivete Berkenbrock, em parceria com a psicóloga Joice Peters Schiavinato, especialista em gerontologia, lançaram o “Manual Memória, Arte e Sucata”.

Planejamento e exercícios para quem tem Alzheimer

O manual não é destinado aos pacientes, mas sim, como uma ferramenta para os cuidadores. O trabalho é direcionado a pessoas com degeneração leve ou moderada, sendo que cada capítulo representa um mês do ano, com informações sobre as suas principais datas comemorativas. Tudo isso leva o paciente a associar a data em questão com lembranças pessoais, o que vai estimular sua memória.

Os exercícios devem ser aplicados conforme a resposta do paciente. Vale destacar que atividades parecidas são praticadas em diversos centros de atendimento e suporte ao idoso com mal de Alzheimer, sendo que, os resultados provam que o programa tem capacidade de melhorar a socialização dos pacientes.

O material, elaborado com apoio da farmacêutica Janssen-Cilag, está sendo distribuído gratuitamente em consultórios de médicos que recebem pacientes com declínio cognitivo.

O planejamento!

Planejamento e exercícios para quem tem Alzheimer

Valorize as atividades que agradam o paciente com Alzheimer e tente seguir a rotina que ele empregava aos afazeres, com dias e horários. O idoso pode ser parte da atividade ou apenas assistir. Veja uma lista:

  • Combine a atividade com o que o paciente pode fazer;
  • Escolha atividades que sejam divertidas para todo o mundo;
  • Ajude a pessoa a começar;
  • Decida se ele pode fazer a atividade sozinho ou precisa de ajuda;
  • Preste atenção para ver se a pessoa fica frustrada;

Exemplos de atividades:

  • Tarefas domésticas:

Lavar louça, arrumar a mesa, preparar o alimento, varrer o chão, a poeira, organizar a correspondência, dobrar roupa, organizar materiais para reciclagem.

  • Cozinhar:

Decida o que é necessário para preparar o prato; medir, misturar e derramar; ensinar alguém a preparar uma receita; assistir aos outros preparar a comida.

  • Exercício:

Dê um passeio juntos, assista vídeos ou programas de TV sobre exercícios feitos para pessoas mais velhas, use uma bicicleta ergométrica, use faixas de alongamento, jogue uma bola macia ou um balão, levante pesos ou utensílios domésticos, como latas de sopa.

  • Música e dança:

Planejamento e exercícios para quem tem Alzheimer

Toque música; fale sobre a música e o cantor, pergunte o que a pessoa com a doença de Alzheimer estava fazendo quando a música era popular, cante ou dance canções conhecidas, assista a um concerto ou programa musical.

  • Animais de estimação:

Alimente, penteie, ande, sente e segure um animal de estimação.

  • Jardinagem:

Cuide de plantas que ficam em áreas internas ou externas, plante flores e vegetais, regue as plantas quando necessário, vá a eventos escolares, fale sobre como as plantas estão crescendo.

  • Conviver com crianças:

Jogue um jogo de tabuleiro simples, leia histórias ou livros, visite membros da família com crianças pequenas, caminhe no parque ou em torno de pátios escolares, vá a eventos escolares, fale sobre boas memórias de infância.

  • Passeios:

Planejamento e exercícios para quem tem Alzheimer

Lembre-se de planejar passeios para o horário em que a pessoa está com mais disposição e evite passeios muito longos. Vá a um restaurante favorito, parque, shopping ou museu.

Através do link ao lado, você poderá ter acesso ao “Manual Memória, Arte e Sucata”, desenvolvido por Ivete Berkenbrock, em parceria com a psicóloga Joice Peters Schiavinato,

AnteriorPróximo
O Avôvó é um portal colaborativo criado especialmente e inteiramente dedicado a um público cada vez mais conectado: a terceira idade. Aqui, não só o idoso se sente em casa. Nosso objetivo é também levar conteúdo relevante para familiares, amigos e profissionais que cuidam dessas gerações que chegam à melhor idade redefinindo conceitos e com cada vez mais interatividade e independência, mostrando que idade é só um número.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *