Lazer & Entretenimento

Ah, o amor! Feliz dia dos namorados para os Vovôs e Vovós

Feliz dia dos namorados Vovô e Vovó
Mario Quintana foi um dos maiores poetas da lingua portuguesa, escreveu sobre o amor como poucos, essa mensagem de amor explica o que é o amor para os solteiros, para namorados e para os não solteiros, casados, também explica o que é o amor para os que gostam de paquerar, enfim, entenda o que é o amor para o poeta Mário Quintana.

Ah! O amor… Mario Quintana

Para meus amigos que estão…SOLTEIROS. O amor é como uma borboleta. Por mais que tente pegá-la, ela fugirá. Mas quando menos esperar, ela está ali do seu lado. O amor pode te fazer feliz, mas às vezes também pode te ferir. Mas o amor será especial apenas quando você tiver o objetivo de se dar somente a um alguém que seja realmente valioso. Por isso, aproveite o tempo livre para escolher .

Feliz dia dos namorados

Para meus amigos…NÃO SOLTEIROS.

Amor não é se envolver com a “pessoa perfeita”, aquela dos nossos sonhos. Não existem príncipes nem princesas. Encare a outra pessoa de forma sincera e real, exaltando suas qualidades, mas sabendo também de seus defeitos. O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos transforme no melhor que podemos ser.

Para meus amigos que gostam de…PAQUERAR.

Nunca diga “te amo” se não te interessa. Nunca fale sobre sentimentos se estes não existem. Nunca toque numa vida, se não pretende romper um coração. Nunca olhe nos olhos de alguém, se não quiser vê-lo derramar em lágrimas por causa de ti. A COISA MAIS CRUEL QUE ALGUÉM PODE FAZER É PERMITIR QUE ALGUÉM SE APAIXONE POR VOCÊ, QUANDO VOCÊ NÃO PRETENDE FAZER O MESMO.

Para meus amigos…CASADOS. O amor não te faz dizer “a culpa é”, mas te faz dizer “me perdoe”. Compreender o outro, tentar sentir a diferença, se colocar no seu lugar. Diz o ditado que um casal feliz é aquele feito de dois bons perdoadores. A verdadeira medida de compatibilidade não são os anos que passaram juntos; mas sim o quanto nesses anos vocês foram bons um para o outro.

Feliz dia dos namorados

Para meus amigos que têm um CORAÇÃO PARTIDO.

Um coração assim dura o tempo que você deseje que ele dure, e ele lastimará o tempo que você permitir. Um coração partido sente saudades, imagina como seria bom, mas não permita que ele chore para sempre. Permita-se rir e conhecer outros corações. Aprenda a viver, aprenda a amar as pessoas com solidariedade, aprenda a fazer coisas boas, aprenda a ajudar os outros, aprenda a viver sua própria vida.

A dor de um coração partido é inevitável, mas o sofrimento é opcional! E lembre-se: é melhor ver alguém que você ama feliz com outra pessoa, do que vê-la infeliz ao seu lado.

Para meus amigos que são…INOCENTES. Ela(e) se apaixonou por ti, e você não teve culpa, é verdade. Mas pense que poderia ter acontecido com você. Seja sincero, mas não seja duro; não alimente esperanças, mas não seja crítico; você não precisa ser namorado(a), mas pode descobrir que ela(e) é uma ótima pessoa e pode vir a se tornar uma(um) grande amiga(o).

Para meus amigos que tem MEDO DE TERMINAR. As vezes é duro terminar com alguém, e isso dói em você. Mas dói muito mais quando alguém rompe contigo, não é verdade? Mas o amor também dói muito quando ele não sabe o que você sente. Não engane tal pessoa, não seja grosso(a) e rude esperando que ela(e) adivinhe o que você quer. Não a (o) force terminar contigo, pois a melhor forma de ser respeitado é respeitando.

Pra terminar … Eterno, é tudo aquilo que dura uma fração de segundo, mas com tamanha intensidade, que se petrifica, e nenhuma força jamais o resgata…. Um dia descobrimos que beijar uma pessoa para esquecer outra, é bobagem.Você não só não esquece a outra pessoa como pensa muito mais nela… Um dia descobrimos que se apaixonar é inevitável… Um dia percebemos que as melhores provas de amor são as mais simples… Um dia percebemos que o comum não nos atrai… Um dia saberemos que ser classificado como o “bonzinho” não é bom .

Feliz dia dos namorados

Um dia perceberemos que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em você… Um dia percebemos que somos muito importante para alguém, mas não damos valor a isso… Um dia percebemos como aquele amigo faz falta, mas ai já é tarde demais… Enfim… Um dia descobrimos que apesar de viver quase um século esse tempo todo não é suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos, para dizer tudo o que tem que ser dito… O jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutar para realizar todas as nossas loucuras… Quem não compreende um olhar tampouco compreenderá uma longa explicação.

Texto de Mario Quintana.

O que é o amor para o AVôVó:

O amor vem para cada um e não se importa com a idade

Feliz dia dos namorados

Há quem considere a terceira idade a melhor fase da vida. No entanto, como é possível encontrar a felicidade sem o amor verdadeiro? Os mais jovens condenam os idosos a permanecer sozinhos quando se fala em relacionamento amoroso. Não podemos aceitar isso! Todos passam a vida querendo encontrar alguém experiente que seja maduro o suficiente para levar um relacionamento leve e harmonioso. Chegou a hora, você é essa pessoa e deve permitir que outra pessoa cheia de maturidade entre em sua vida.

A sociedade está muito acostumada a associar paixão com as pessoas mais jovens, mostrando aos mais velhos que a cada dia que passa fica mais difícil encontrar um companheiro ou, até mesmo, um relacionamento. O que resta? Amor aos netos e a família. Qualquer coisa que seja necessariamente assexuada. O despertar de sentimentos normalmente não são bem recebidos. Reviver emoções, lembrar momentos inesquecíveis e mostrar desejo não é permitido aos que se encontram na terceira idade. Os filhos e a sociedade ficam perplexos, acreditando que os idosos não estão preparados para amar novamente.

A idade biológica não é determinante para definir quanto amor sentimos. Nossa condição física não condiciona a capacidade de estarmos apaixonados. As estrelas escrevem as mais distintas histórias de amor pelas marcas da cultura, história e subjetividade singular de cada pessoa. A idade jamais será um impedimento para o início de um novo amor, como também os apaixonados não devem se preocupar com antigas e antiquadas regras da sociedade.

Diga não aos padrões e viva o amor  independentemente da sua idade

Feliz dia dos namorados

A sociedade estabelece como padrão estético o corpo do jovem, atribuindo como meta um físico esbelto e cheio de músculos. Como se amar e ser amado dependessem da eficácia em obter um corpo escultural, mas essa visão é errada e vincula a noção de amor aos mais jovens – aqueles que atingem os padrões com mais facilidade -, aprisionando o amor a questões meramente estéticas e afastando os mais velhos da verdadeira visão e amar.

Quando falamos na situação das mulheres as coisas ficam ainda pior. Muitas são induzidas a acreditar que após a menopausa – período que determina o fim do período fértil – a função sexual deve ser aposentada, vinculando o ato apenas a questões reprodutivas. Para os homens a situação é semelhante, pois, a grande maioria, aceita o modus operandi que a sociedade estabelece e julgam-se incapazes de obter um bom desempenho sexual após certa idade.

Não podemos negar que o envelhecimento gera alterações na integridade do sistema nervoso e, com isso, uma negativa mudança nas respostas relacionadas a excitação. No entanto, o que deveria ser prejudicial é justamente o que gera benefícios. Um estudo realizado pelo médico Richard Schultz mostrou que pessoas idosas experienciam emoção e afeto mais ou menos com a mesma intensidade das pessoas mais jovens. Todavia, pessoas com mais idade tendem a experimentar emoções e afetos por um período maior e demonstram uma menor alteração no estado emocional. Resumindo, os relacionamentos na velhice são mais estáveis e seguros.

Na equação final, não ficam de fora as mudanças no domínio fisiológico, mas é comprovado que os casais idosos são mais positivos em suas expressões afetivas e, com o passar do tempo, nada pode calar nossos desejos. O eterno maestro do Brasil, Tom Jobim afirmava que é impossível ser feliz sozinho. Talvez ele esteja certo, mas o que importa é a vontade de estar com alguém. Se esse é o seu caso, não deixei ninguém te dizer o contrário. Ninguém! Nem a sua idade.

Feliz dia dos namorados

 Veja na sequência uma série de fotos que uma fotógrafa russa capturou para mostrar que o amor pode transcender o tempo

 

Não perca nenhum conteúdo do Portal Avôvó! Informe seus dados e receba atualizações por e-mail.



 

Qualquer um que assistiu a animação “Up – Altas Aventuras” provavelmente ficou emocionado com a história de amor do casal Carl e Ellie Fredricksen, que começou na infância e transcendeu à terceira idade. Nos tempos de hoje, de amores instáveis e relacionamentos descartáveis, é raro ver um relacionamento duradouro. Então, essas imagens podem emocionar você.
Esta sessão de fotos foi feita pela fotógrafa russa Irina Nedyalkova, que depois de publicar na sua página pessoal do Facebook, as fotos foram rapidamente compartilhadas em todo o mundo e teve uma resposta extremamente positiva.Eles são modelos contratados por Irina para um projeto de valorização de modelos mais velhos. Mesmo assim eles conseguiram conquistar o coração de milhares de pessoas, mostrando sobre o que a vida deveria ser.

Confira agora as fotos emocionantes:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Veja também no Portal AVôVó:

Namoro entre idosos: relação traz benefícios

AnteriorPróximo
Claudio Mello
O Avôvó é um portal colaborativo criado especialmente e inteiramente dedicado a um público cada vez mais conectado: a terceira idade. Aqui, não só o idoso se sente em casa. Nosso objetivo é também levar conteúdo relevante para familiares, amigos e profissionais que cuidam dessas gerações que chegam à melhor idade redefinindo conceitos e com cada vez mais interatividade e independência, mostrando que idade é só um número.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *