Mental

A fobia social e os idosos: um assunto atual e relevante

fobia social nos idosos

A timidez é um traço de personalidade normal, que envolve alguma vergonha e nervosismo em situações sociais. Ela é mais difusa e duradoura que a fobia social. Esta envolve medo acentuado e persistente de uma ou mais situações sociais ou de desempenho. A fobia social, ou ansiedade social é uma condição de saúde em que o indivíduo teme situações sociais de maneira a provocar ansiedade e reconhece o grau excessivo de suas preocupações.

a fobia social nos idosos - portal AVôVó

O sofrimento ocorre na antecipação do contato social, durante ele (podendo ocorrer crises de pânico) e na avaliação posterior, na qual o indivíduo julga a si e seu desempenho negativamente. É por isto que o fóbico social evita situações sociais e tem maior prejuízo social e ocupacional que o tímido. Já este pode se envolver socialmente quando necessário e tem menor probabilidade de se esquivar de situações sociais. Por se tratar de um traço de personalidade, ele é mais prevalente na população geral.

a fobia social nos idosos - portal AVôVó

O portal Avôvó entrevistou o psiquiatra geriátrico Dr. Marcelo Paoli para entender melhor como esse problema afeta o idoso. Descobrimos que, mesmo depois de passar longos anos convivendo com o problema, vale a pena começar o tratamento e tentar aliviar os sintomas desse problema tão sério. A frase de Augusto Branco, pseudônimo de Nazareno Vieira de Souza (1980) – escritor e poeta brasileiro -, diz muita coisa sobre a necessidade de vencer o medo: “Muitas coisas não são realizadas por que o medo vence as pessoas. Vença o medo e verás um mundo de possibilidades desdobrar-se diante de teus olhos”.

a fobia social nos idosos - portal AVôVó

Os idosos devem ser o que quiserem. Os idosos devem encontrar coisas que lhes tragam prazer e conforto. O medo existe, mas nada pode impedir que você se livre dele. Basta você decidir que ser feliz é o próximo passo. O Avôvó está torcendo por você!

 

Não perca nenhum conteúdo do Portal Avôvó! Informe seus dados e receba atualizações por e-mail.



 

Assista abaixo o vídeo da entrevista exclusiva do Dr. Marcelo Paoli ao Portal AVôVó:

Formação Acadêmica

  • Doutorando do Programa em Neurologia do Comportamento na Escola Paulista de Medicina (Unifesp) tema: Alterações Comportamentais nas Demências;
  • Treinamento em Terapia Comportamental Dialética (Behavioral Tech – University of Washington e CTC Veda);
  • Supervisor do Ambulatório de Neuropsiquiatria Geriátrica da Escola Paulista de Medicina e Supervisor e da Residência de Psiquiatria Geriátrica (Unifesp);
  • Mestre em Psiquiatria e Psicologia Médica pela Escola Paulista de Medicina (Unifesp) tema: Sentimento Crônico de Vazio no Transtorno de Personalidade Borderline;
  • Psiquiatria Geriátrico pelo Programa de Residência Médica da Escola Paulista de Medicina (Unifesp);
  • Psiquiatria pelo Programa de Residência Médica da Escola Paulista de Medicina (Unifesp);
  • Especialista em Terapia Cognitivo-Comportamental pelo Centro de Terapia Cognitiva (CTC e  DGERT- Portugal);
  • Médico formado pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)   .

Veja também no Portal AVôVó:

Olho seco, tempo seco e qual colírio usar na terceira idade?

 

AnteriorPróximo
O Avôvó é um portal colaborativo criado especialmente e inteiramente dedicado a um público cada vez mais conectado: a terceira idade. Aqui, não só o idoso se sente em casa. Nosso objetivo é também levar conteúdo relevante para familiares, amigos e profissionais que cuidam dessas gerações que chegam à melhor idade redefinindo conceitos e com cada vez mais interatividade e independência, mostrando que idade é só um número.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *